Confederação Brasileira de Desportos no Gelo

Brasileiro luta por Top 30 na Copa do Mundo de Luge Natural

Leonardo Oliveira Luge 2

Único representante do Brasil nesta temporada da Copa do Mundo de Luge Natural, o jovem Leonardo Oliveira, 18 anos, está conquistando os melhores resultados do país na história do esporte. Com apenas uma etapa em disputa na competição, ele luta para entrar no Top 30 do ranking masculino.

Atualmente, Leonardo é o 31º na classificação da Copa do Mundo de Luge Natural com 53 pontos conquistados. Ele participou de quatro das cinco provas já realizadas e é o segundo melhor atleta não-europeu na temporada, atrás apenas do neozelandês Jack Leslie. O brasileiro ainda participou de duas provas da Copa do Mundo Júnior e possui 44 pontos, ocupando a 27ª posição no torneio – também o melhor desempenho do país no torneio.

Com essa pontuação, Leonardo já possui a melhor marca do Brasil na Copa do Mundo. O antigo recorde pertencia a Flavio Macedo, 35º colocado em 2015 com 48 pontos no total. Essa não é a primeira vez que o jovem surpreende no Luge Natural. Em 2017, ele igualou a melhor participação masculina do país no Mundial de Luge Natural, repetindo a 35ª posição de Flávio dois anos antes.

O Luge Natural é uma variação da versão olímpica. As principais diferenças são na pista: enquanto na categoria olímpica o percurso possui refrigeração artificial, na categoria natural os atletas correm na própria neve formada pela baixa temperatura. Além disso, o trajeto é diferente e menor, com aproximadamente 1000 metros e curvas mais fechadas. Dessa forma, a técnica de pilotagem também muda: os atletas utilizam mais o próprio corpo para pilotar o trenó e podem utilizar um manete para auxiliar na frenagem antes das curvas.

 

Resta apenas uma etapa para o encerramento da Copa do Mundo de Luge Natural. A sexta e última prova da temporada acontece em Umhausen, na Áustria, entre 15 e 17 de fevereiro.

Deixe uma Resposta.